Home Sem categoria Imposto de Renda: saiba como declarar com as novas mudanças

Imposto de Renda: saiba como declarar com as novas mudanças

0
Imposto de Renda: saiba como declarar com as novas mudanças
O prazo para entrega da declaração de Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF), referente ao ano de 2022, começa a partir de 15 de março Crédito: Freepik

O prazo para entrega da declaração de Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF), referente ao ano de 2022, começa a contar nesta quarta-feira, 15 de março. A Receita Federal espera que mais de 39 milhões de contribuintes enviem a declaração. Uma das novidades deste ano é a utilização da declaração pré-preenchida já na abertura do período de entrega do documento, disponível via computador, pela solução Meu Imposto de Renda, on-line ou em aplicativo para iOS ou Android.

De acordo com a instituição, a medida visa minimizar erros e oferecer mais comodidade aos contribuintes, já que o sistema da Receita Federal traz automaticamente diversas informações que antes precisavam ser preenchidas uma a uma pelo declarante, que é responsável por confirmar, alterar, incluir ou excluir dados. O uso da declaração pré-preenchida deve alcançar 25% dos contribuintes.

Outra novidade do IR 2023 é que o contribuinte que utilizar a declaração pré-preenchida ou optar por receber a restituição via Pix, chave CPF – única permitida –, terá prioridade no recebimento do valor devido, após as já previstas em lei – contribuintes idosos com idade igual ou superior a 80 anos; contribuintes idosos com idade igual ou superior a 60 anos, deficientes e portadores de moléstia grave; e contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.

Quem deve declarar: o contribuinte residente no Brasil que recebeu rendimentos tributáveis acima de R$ R$ 28.559,70 no ano, ou cerca de R$ 2.380 por mês, incluindo salários, aposentadorias, pensões e aluguéis; que recebeu rendimento isento, não tributável ou tributado exclusivamente na fonte acima de R$ 40 mil; e que obteve, em qualquer mês, ganho de capital na alienação de bens ou direitos sujeito à incidência do imposto. Deve ainda declarar o IRPF em 2023 quem tinha, em 31 de dezembro, a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior a R$ 300 mil.

Como enviar: declarações devem ser entregues até o dia 31 de maio de 2023 por meio do  programa instalado no computador, via internet pelo Portal e-CAC ou mesmo por dispositivos móveis, como tablets e smartphones.

Modalidades: pode-se elaborar a declaração pelo método completo ou pelo simplificado. “O próprio programa sugere, após o preenchimento dos dados, qual a modalidade mais vantajosa para o contribuinte. É importante citar que só é possível alterar a modalidade dentro do prazo final de entrega. Retificações posteriores a 31 de maio não poderão sofrer alteração da modalidade”, explica Marco Aurélio Pitta, coordenador e professor de programas de MBA nas áreas Tributária, Contábil e de Controladoria da Universidade Positivo (UP).

Prazo: entre 15 de março e 31 de maio de 2023. Declarações entregues após essa data têm multa mínima de R$165,74 e máxima de 20% sobre o valor do imposto devido.

Restituição: os pagamentos começam em 31 de maio, do primeiro lote, seguindo a ordem de prioridade estabelecida em lei, e vão até 29 de setembro, quando será pago o quinto e último lote.

Como não cair na malha fina: seguir os informes de rendimentos enviados pelos empregadores e bancos, obter todos os recibos e notas fiscais de consultas médicas, além de considerar os gastos com educação conforme as regras da Receita, são alguns tópicos que precisam de atenção por parte dos contribuintes.

A orientação do especialista para não cair em malha fina está relacionada à documentação. “Cuidado no preenchimento do formulário e com a documentação que deve sempre estar em ordem, ser verdadeira, ter vínculo com o prestador de serviços, como gastos com saúde, educação, ou seja, sempre falar a verdade e identificar quem está prestando o serviço. É importante seguir as regras da Receita. Existe um documento público de perguntas e respostas com esclarecimentos. Qualquer dúvida, procure um profissional especializado”, lembra.


Sobre a Universidade Positivo

A Universidade Positivo concentra, na Educação Superior, a experiência educacional de mais de quatro décadas do Grupo Positivo. A instituição teve origem em 1988 com as Faculdades Positivo, que, dez anos depois, foram transformadas no Centro Universitário Positivo (UnicenP). Em 2008, foi autorizada pelo Ministério da Educação a ser transformada em Universidade. Atualmente, oferece 57 cursos de Graduação presenciais (35 cursos de Bacharelado e Licenciatura e 22 Cursos Superiores de Tecnologia), três programas de Doutorado, quatro programas de Mestrado, centenas de programas de Especialização e MBA e dezenas de programas de Extensão. A UP conta com sete unidades em Curitiba, uma unidade em Londrina (PR), além de polos de Educação à Distância (EAD) em mais de 30 cidades espalhadas pelo Brasil. É considerada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), do Ministério da Educação (MEC), a melhor universidade privada do Paraná, pelo sexto ano consecutivo.

Previous article Por que não comer carne vermelha na Sexta-Feira Santa?
Next article O encontro de ditadores sob a névoa do conflito
SOMOS A CENTRAL PRESS! Uma agência de reputação que alia a responsabilidade e a ética do Jornalismo e da Comunicação Empresarial à criatividade do mundo da Publicidade e à diversidade do ambiente digital, sem deixar de lado a força do relacionamento interpessoal e das histórias que ajudam a construir marcas fortes e verdadeiras. Em 2020, fomos eleitos a melhor agência de comunicação empresarial do Sul do Brasil e uma das três melhores do País no Prêmio Top Mega Brasil. Além disso, conquistamos diversos outros prêmios, concedidos por entidades como ABERJE (Associação Brasileira de Comunicação Empresarial), Sindicato dos Jornalistas e ADVB (Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil).

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here